FROM THE BLOG

5 dicas para o novo gestor de projetos na empresa

Começar em um trabalho novo não é uma transição muito fácil em grande parte das vezes. Para o novo gestor de projetos, essa realidade pode ser ainda mais complicada por diversos fatores.

Você, como um novo gestor de projetos, pode enfrentar algumas resistências práticas ao iniciar os seus trabalhos, e saber lidar com elas é essencial para se ter um bom rendimento, integrar-se à equipe e ao ambiente de trabalho além de manter um nível alto de produtividade.

Neste artigo, vamos falar sobre a realidade do novo gestor de projetos, mostrar alguns cenários em que sua chegada na empresa pode ser turbulenta e dar dicas para tornar o novo trabalho mais fácil.

Vamos começar?

 

Situações difíceis para o novo gestor de projetos

 

Algumas situações podem deixar o novo gestor de projetos em uma posição em que ele precisa trabalhar bastante para entrar no ritmo da empresa/setor e oferecer os resultados que ele está acostumado a atingir.

Veja algumas dessas situações e as melhores formas de lidar com elas:

 

Falta de entrosamento

Às vezes, por ceticismo da equipe em relação ao trabalho do novo gestor de projetos ou por uma preferência a algum outro colaborador, o novato na operação acaba encontrando um problema de motivação por conta da falta de entrosamento.

A melhor maneira de lidar com essa situação é organizando um bom plano de comunicação, sendo transparente nos seus esforços ao mesmo tempo em que demonstra sua autoridade como novo gestor de projetos.

A comunicação é essencial nesses casos, pois transporta o novo gestor de projetos para a realidade dos colaboradores.

 

Projeto em andamento

Muitas vezes o novo gestor de projetos entra em um projeto já em andamento, com sua dinâmica estabelecida e com seus próprios modelos de trabalho e execução – que foram elaborados sem a participação do novato.

O melhor a se fazer nesses casos, que são realmente mais complicados, é observar atentamente e procurar identificar em quais pontos seu trabalho pode ser melhor aproveitado. Procure ficar atento a questões de budget, se os prazos são plausíveis, como está o relacionamento com os clientes e os stakeholders e como é a relação entre os membros da equipe. Também vale a pena perguntar e tirar dúvidas sempre que necessário.

Dessa forma, você consegue entender como o projeto está funcionando e consegue dar sua colaboração de forma embasada, sem soar como o outsider que veio para mudar tudo.

 

O que não fazer como um novo gestor de projetos

 

Cada projeto é único, e os esforços para que eles funcionem também são únicos. Mas, ainda assim, existem algumas recomendações universais que vão ajudá-lo muito se você é um novo gestor de projetos.

Confira os erros mais comuns identificados na atuação de novos gestores de projetos:

 

Prazos irreais

Muitas vezes, no esforço de “mostrar serviço” ou impressionar a clientela e os stakeholders, o novo gestor de projetos pode prometer a entrega de serviços ou produtos sem um embasamento compromissado com a realidade da sua operação.

Os prazos são uma das partes mais importantes do projeto e devem sempre ser respeitados. A equipe os utiliza para se guiar, sendo que quando eles são curtos demais há um excesso de trabalho, o que pode resultar em problemas com a qualidade e sua relação com os seus colaboradores.

 

Não mostrar liderança

Estar no controle do projeto é uma qualidade fundamental em todo o gestor. Deve haver camaradagem e um clima harmonioso no escritório, é verdade, mas a liderança deve sempre se sobressair no novo gestor de projetos.

É importante que o novo gestor de projetos entenda que, no âmbito profissional, ele é hierarquicamente superior aos outros colaboradores, alguém que precisa delegar funções com autoridade e manter a ordem, ao mesmo tempo em que fiscaliza o trabalho dos outros colaboradores e oferece feedbacks.

Portanto, dentro do projeto, você deve ser alguém aproximável e aberto para sugestões, desde que a hierarquia seja respeitada e que você consiga exercer sua liderança.

 

Problemas com a delegação de tarefas

A delegação de tarefas é parte essencial do trabalho do gestor de projetos, pois contribui para que todos trabalhem de forma otimizada.

Um novo gestor de projetos deve conhecer sua equipe a fundo para delegar tarefas de forma responsável e apropriada, e não deve nunca tomar para si funções que não competem ao seu cargo de gestor, algo muito comum em vários projetos.

Portanto, conheça os pontos fortes de cada colaborador e delegue tarefas a partir desse estudo, e esteja sempre aberto para sugestões de quem efetivamente realiza o trabalho.

 

Gostou deste post? Então que tal aprofundar sua leitura com o nosso artigo sobre como engajar sua equipe?

 

Leave a comment

Redes Sociais

Mantenha-se atualizado com nosso conteúdo através da sua rede social favorita.