FROM THE BLOG

Estratégia é uma vantagem competitiva. Saiba porque.

Muitos profissionais ouvem falar da importância do planejamento estratégico e de como sua correta aplicação implica no sucesso da gestão do negócio. Mas mesmo assim, deixam essa informação entrar por um ouvido e sair pelo outro. O pensamento que muitas vezes passa pela cabeça é: “isso é muito complexo e serve apenas para grandes empresas”. Estamos aqui para mostrar que pensar assim não traz nenhum benefício para a dinâmica da empresa – muito menos para os resultados esperados.

O planejamento estratégico não é um bicho de sete cabeças. Na verdade, é apenas a construção de um projeto que deve ser ensinado para todos os componentes da equipe. Deve ser compartilhado, primeiramente, com os cabeças chaves das organização, os responsáveis pela gestão, que devem transmitir as informações bases para os demais colaboradores. O essencial é que todos tenham conhecimento das metas da empresa e quais são os resultados esperados de cada departamento e aqui a comunicação se torna fundamental.  Aí também é interessante inspirar todos os envolvidos no projeto: somente pessoas engajadas em todos os níveis organizacionais podem executar um planejamento com maestria.

Esse preconceito em torno do conceito de estratégia por parte dos pequenos e médios empresários termina se tornando em desvantagem competitiva. A estratégia pode ser utilizada por empresas de qualquer porte, que atuem em qualquer segmento e, ainda, para aquelas que ainda nem saíram do papel. E um bom planejamento estratégico implica em inúmeras vantagens que podem alavancar os resultados de uma organização. Veja abaixo como uma estratégia pode ajudar no crescimento orgânico:

Estratégia é uma vantagem competitiva

Se o planejamento estratégico é o rei para o sucesso da empresa, a avaliação estratégica é a rainha. Isso consiste e uma minuciosa análise do ambiente interno (forças e fraquezas) e do ambiente externo ( como oportunidades e ameaças). Aqui é importante identificar e definir os principais focos e os pontos de melhorias. O objetivo é eliminar as fraquezas e maximizar as qualidades – convertendo-as em forças para alcançar a excelência.

Traçar uma estratégia para sua empresa implica em conhecer o mercado que está inserido. Como afirmou Edward Chenard, do e-commerce Best Buy, em sua palestra no Congresso de Experiência do Cliente, é necessário conhecer muito bem seu público para poder vender. Isso funciona para produtos, funciona para serviços, funciona para projetos.

A arte de vender não é algo exato. O que pode dar certo no Brasil, por exemplo, pode dar totalmente errado na Índia. São inúmeros motivos, como diferenças culturais, contexto histórico e/ou hábitos da população. Então apenas um amplo conhecimento do mercado abre uma ampla vantagem em cima dos seus concorrentes.E isso apenas é possível com uma ótima estratégia.

Objetivos e metas são a base do planejamento estratégico

Além disso, traçar objetivos e metas faz parte de um bom planejamento estratégico. Isso ajuda aumentar as vantagens da empresa, e em contrapartida a reduzir as desvantagens, o que implica em uma compreensão do modus operantis da organização. Todas essas armas podem ajudar a garantir um posicionamento diferenciado no mercado.

Ao desenvolver um planejamento estratégico para a empresa, os gestores terão seus propósitos definidos de forma objetiva. E ainda irão obter um estudo sobre as ferramentas a serem implementadas, os métodos mais assertivos e o tempo necessário para alcançar cada meta.

A partir daí, é possível traçar as funções específicas de cada gestor departamental e a forma como o profissional irá orientar a própria equipe. Cada ação deve ser definida a partir do tempo necessário para executá-la de forma satisfatória. Também é importante que o andamento das tarefas seja atualizado conforme as novas oportunidades e desafios que irão surgir durante o processo. A utilização das técnicas de gestão de projetos desempenhará um papel crucial nesse sentido e ajudará o gestor a controlar melhor o alcance das metas e resultados.

Estratégia bem definida resulta em redução de custos

Uma estratégia clara, bem definida, esmiuça toda a estrutura organizacional – como também as áreas necessárias para a implantação de um projeto. Isso  implica em redução de custos. Como?  Saber como que funciona a empresa também ajuda a realocar recursos e atividades e garante controle sobre os gastos e as finanças. O planejamento estratégico também aumenta o engajamento dos colaboradores nas tarefas, respeita cronograma, utiliza recursos e metodologia aplicada. Os gestores poderão ter ações mais assertivas que permitam alavancar os resultados por meio de uma gestão eficiente que envolva um planejamento estratégico em conjunto com as ferramentas da gestão de projetos.

Com pequenas ações, a empresa terá munição para dirigir o negócio e controlar imprevistos que possam aparecer durante a trajetória da companhia, minimizar os gastos excedentes e buscar uma margem de antecedência. Assim, a organização tem uma chance a mais de evitar prejuízos.

Tanto para pequenas quanto para médias empresas, um planejamento claro, definido pode se tornar a arma mais competitiva da empresa. Por isso, pequenos e médios empresários, não tenham medo de buscar uma estratégia para sua empresa. Lembre-se que um planejamento auxilia ir mais longe, aumenta o conhecimento do negócio e, assim, o domínio sobre a gestão.

A estratégia pode surpreender você.

E você? Já desenvolveu o seu planejamento estratégico? Deixe o seu comentário e compartilhe as suas experiências com a gente!

Leave a comment

Redes Sociais

Mantenha-se atualizado com nosso conteúdo através da sua rede social favorita.